Visitas

terça-feira, 3 de julho de 2012

- desejo por desejo


Fico por vezes retida no teu olhar, fico por vezes retida nas tuas palavras, fico até por vezes retida nos teus braços, fico com vontade de não te deixar, fico de todas as vezes mais retida por ti . e sabes? nunca ninguém teve algo de especial para me o fazer, nunca ninguém teve algo de especial para fazer o que me fazes, porque mesmo sem saberes mesmo até sem te aperceberes fazes com que um simples olhar e um simples beijo se torne no simples olhar e no simples beijo que alias de simples nunca contêm nada. Aos teus olhos posso não mudar, aos teus olhos posso parecer igual aos outros mas se olhares para os meus quando olham para ti verás que ficam de forma única e de forma nenhuma ficam iguais quando olham para o resto do mundo ! Por vezes baseamos-nos em certas coisas que não devemos, por vezes erramos e existe vezes até que deixamos fugir o que não deve fugir, mas temos de fazer para que as coisas que devem ficar fiquem, umas vezes pode ser em vão o nosso esforço, mas se for verdadeiro o que tiver de ficar fica, e sabes? eu quero que fiques comigo, como nunca ficas-te com mais ninguém ! e sabes mais? neste preciso mês, não hoje mas daqui a uns dias irá fazer 2 anos que pedi um desejo a uma estrela cadente e sabes? estava lua cheia eu estava sentada numa rocha e estava a mandar pedras para o rio quando vi a estrela cadente. tal como hoje está lua cheia e tal como a uns meses atrás estava também lua cheia no preciso momento em que estava contigo, em 2 anos apareceram varias pessoas mas nenhuma delas fez com que eu a levasse a ir ver a lua quando estava cheia comigo, sim faz parte do desejo, mas contigo? mesmo sem saber, levei-te a vê-la comigo. Apenas tens de não me deixar fugir, tens de me guardar tens de acreditar em mim e só nisso ! deixa os impedimentos de lado e fica comigo, porque o que é verdadeiro tem de ficar e o falso tem de ir, e eu quero que fiques ! Eu quero que nós fiquemos juntos, e felizes ! Quero até passar meses e meses a teu lado e em cada um deles poder ver a lua contigo! E sabes? vamos fingir que somos casados! para que? para que quando um de nós quiser acabar por uma discussão , ambos juntos teremos de esperar pelos papeis do divorcio e nesse tempo de espera iremos sempre reconciliar-mos-nos e ficar bem ! Só precisava que nesta mesma noite me dissesses que queres ficar comigo, só queria que reescrevesses tudo de bom que já me disseste, e que assim que a lua nós iluminasse tu dirias que aceitavas casar comigo ! A chuva sempre foi muito presente em nós, mas sabes? estamos com tanto calor, não esperes pela chuva para me dizer o que sentes ou o que queres ou até não esperes pela chuva para ficar comigo, porque ambos já passamos até de mais juntos, e até separados e eu não quero estar longe de ti, não quero ver que estou no mesmo lugar que todas as outras, quero-te de forma diferente! Porque preciso de ti sabes? mas quero-te do meu lado não como já estiveste mas sim como nunca chegamos a estar ! Oh e seria fofo se casassemos numa noite quente de verão, com o nosso dia no calendário e com a lua cheia presente, eu aceitaria ficar contigo para sempre e tu aceitarias ficar comigo e assim que nos beijássemos começaria a chover . Eu guardo-te, eu cuido de ti,eu compreendo-te e aceito-te tal e qual como és . Amo-te

8 comentários:

Maria João disse...

Oh tão giro, é mesmo assim: discutir e ultrapassar isso :)

Andreia disse...

Ohhh tão lindo!!
Adoro a forma como puseste aquilo que sentias em simples palavras mas que expressam tanto!!
Adorei o que escreveste :D

Adriana disse...

passa pela minha pág. no facebook :)
obrigada* :)
https://www.facebook.com/blogletsgetlost

texto lindo o:

ARF ! disse...

boas fofinha *.*
criei um selo e ando a oferece-lo , passa pelo meu blog e retira o selo do meu blog .
beijinhos ARF .

Ana de Oliveira disse...

Está a acontecer um concurso no meu blog chamado "Critica aqui". Passa lá para participares e divulga!
http://writersfield.blogspot.pt

Mafalda Marques disse...

Amei o teu blog, sigo*
http://forareasonn.blogspot.pt/

Luísa Abreu disse...

Estive a ler alguns dos teus textos e adorei * Parabens :)

Sarafaela disse...

adoreei o texto, e como se costuma dizer: a esperança é a ultima a morrer :)