Visitas

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

- novo presente

Maxime

estás perto, estás grande, estás tão brilhante, tão bonita, estas a iluminar tanto o horizonte, estás a fazer com que tudo esteja tão claro, que este escuro da noite esteja tão mais bonito, sim lua é a ti que me refiro, sabes uma coisa que ainda não te disse? quando começas a ficar grandes sabes? vou sempre ver ao calendário quando é que vais estar comigo, quando é que vais ser mesmo tu a estar lá, quando é que vou olhar e reconhecer-te, sim atinges varias formas mas apenas esta me importa, apenas está é importante, apenas está tem algum significado, apenas está tem um dia especial, e apenas estando em dia de lua cheia é que se vê quem realmente está ou não presente em mim, como tu, sim tu estas!  faltam dois dias para te poder ver realmente, há já uns meses que não te vejo com os olhos certos, ou até com a pessoa certa, mas está tudo encaminhado para este mesmo sábado, olhar-te como olhava, e relembrar novamente o porque de gostar, e ser tão importante ver-te, e reconhecer-te nesta forma tão intensa. prometo olhar-te e sorrir para ti, tal como prometi a ti confiar em ti, não falamos em dia de lua cheia, mas sabes o que estava presente também? a nossa seta, sim agora sempre que olho para o céu contigo, lá está ela. no inicio quando sai de casa e a vi estava exactamente do lado esquerdo, mas quando estava contigo e ambos olhamos, juntos e com as mãos unidas como um só, já estava do lado direito, mudou, tal como nós, mudamos, o que era dantes já não é agora, o que pensava antes não penso agora, não, não penso, o que pensei disse, aprendes-te um pouco mais de mim, por mais difícil que seja lidares comigo, por mais que o meu feitio seja muito especial eu sei que chegarás lá, e espero que não me desiludas. lembras-te do pacto que fizemos? nunca fiz nenhum antes, nunca tinha prometido daquela forma nada a ninguém, não porque não soubesse que não a ia cumprir, mas porque falhar é algo que não admito que aconteça, por isso tem cuidado, não me faças falhar, não falhes comigo, lembra-te sempre no nosso pacto, lembra-te dos nossos abraços, da minha forma de ser, e principalmente do que te disse, não foi arrogância foi a realidade! lembro-me de te dizer que queria novamente o passado, e se não disse escrevi, mas estava completamente errada, eu não o quero, é passado, e fiz com que o presente fosse muito melhor, fiz o carinho de te trazer comigo até aqui, e estás no caminho certo, comigo, pois os abraços, e palavras que me davas e dizias antes? não preciso deles agora, agora tenho algo muito melhor, tenho algo verdadeiro, algo com mais confiança, algo que me faz conhecer-te, algo que antes não tinha! outra coisa que ainda não te disse? há uns tempos encontrei uma menina que não sabia que existia, melhor, sabia que ela queria existir, não sabia é que existia mesmo, porque está menina antes, queria ser uma coisa que não era, actuava como uma pessoa que não era que apenas queria ser, está menina não aguentava falhar, não suportava promessas não cumpridas, está menina nunca desistia de nada ou melhor ela queria não aguentar falhar, queria não aguentar promessas cumpridas e nunca desistir, mas na verdade ela queria ser assim, mas não o era pois ela não acreditava em si, esta menina não via que era ingénua demais, não via que se baseava em palavras em vês de actos, esta menina não via que podia ser muito melhor do que era, esta menina não via quem eram os seus verdadeiros amigos! mas sabes o que aconteceu agora a está menina? ela há uns tempos para cá, tem sempre um sorriso verdadeiro, luta porque acredita que a faz feliz, luta por quem ama, baseasse em actos do que em palavras, dá importância a gestos do que a carinhos, carinhos esses falsos, está menina agora, é forte, é muito forte, não é ingénua, e principalmente sabe perfeitamente quem são os verdadeiros amigos dela, quem importa realmente! mas existe um problema, ela mesmo sendo ingénua, ou não sabendo sorrir sempre, ela nunca desistiu de nada nem de ninguém. a menina que ela queria ser, ela neste momento é o completamente, mas desta vês promessa não cumprida, é palavra desfeita, mas ainda descobri outra coisa, está menina sempre foi tudo o que é o hoje apenas estava escondida.
por isso lua, daqui a 2 dias espero por ti, espero pela tua presença, e tu espera apenas pelo meu sorriso, pois ele agora está sempre comigo, e está lindo como sempre! 
p.s: estamos juntos ♥

120 comentários:

beatrizpereira disse...

ele leu o meu texto ..

beatrizpereira disse...

agora virás mais regularmente?

beatrizpereira disse...

não seria capaz de estar cara a cara com ele, não depois de tudo, nem conseguiria olhá-lo nos olhos, dizer qualquer palavra que fosse.
o que disse quem? ele?

Vanessa Santos disse...

adorooooo!

martasousa disse...

talvez sim, talvez não.

Beatriz Mateus disse...

oh, gostei tanto. sigo o blog :)

inês* disse...

muitas mesmo :'

Catt. disse...

obg princesa !

- Susana . disse...

ohh princesa , eu também acredito que sim *
amoo texto lindoooo *-*

Maria João disse...

Nunca li nenhum texto assim, está mesmo giro *.*

Filipa disse...

Bem gostei mesmoooo muito deste texto (;

Sila Pinto disse...

obrigada pelos dois comentários linda , obrigada por leres , mt fofa :)
adorei este texti :o

r i t a m a r i a disse...

adorei. *

ana disse...

não tem mal sofia! :) de nada mesmo!
e como se deve depositar a confiança? :$

- Susana . disse...

eu sei princesa

beatrizpereira disse...

pois, se calhar estou a desistir tão facilmente, mas sinceramente acho que por ele já não há maneira como lutar, porque ele quando toma uma decisão, nunca volta atrás com ela, não estou a ser negativa mas apenas a ver a realidade, já sei como ele é, não volta atrás, já me esqueceu, talvez não gostasse assim tanto de mim como dizia e demonstrava, valerá a pena fazer mais alguma coisa? cansei-me de todas as tentativas que fiz e de todas elas serem falhadas, cansei-me de eu lutar por ele, e ele não lutar por mim, desilude-me imenso isso :s

ana disse...

como assim entrar, menos magoar? :$

inês* disse...

é simplesmente a letargia a atacar, isto passa querida ...

joana disse...

ainda bem :)

Ana Gonçalves disse...

digo o mesmo deste texto, está lindo :)

danielarocha. disse...

gostei muito, sigo!

Ana Gonçalves disse...

juro que sim :)

ana disse...

ah, percebi mais ou menos ..
sabes uma cena qe ando a pensar?

Vanessa Santos disse...

tens razão querida, e eu sei disso :s
mas podemos sempre sonhar :3

beatrizpereira disse...

já não acredito no que os olhares mostram, disseram-me tantas coisas olhos nos olhos, e depois percebi que tudo se resumia a mentiras e mentiras ..

inês* disse...

não é mais fácil falares comigo no ícone do msn, e fazes perguntas e eu respondo-te ? o:

Ana Gonçalves disse...

imagino que sim :)

ana disse...

acho que dar confiança demais a certas pessoas não dá bom resultado :c

beatrizpereira disse...

também não disse isso, mas aqui já não há nada que me faça feliz, ele estar comigo, isso sim, fazia-me feliz, mas agora não resta nada, absolutamente nada.
mas o que ele mostrou foi antes, quando começámos a namorar, agora já não há qualquer tipo de sentimento que ele tenha por mim, nenhum mesmo, e eu tenho a noção disso.
e como faço essa ultima tentativa, como? e se ela não mudar nada, o que faço? continuo a tentar? não irei conseguir, eu sei que sou negativa, mas prefiro pensar negativo e me surpreender, do que pensar positivo e me desiludir.

Ana Gonçalves disse...

ohn, obrigada :)

ana disse...

por vezes, nem sempre!
mas também essas pessoas são do tipo de comentar por trás e isso.

p. disse...

ainda bem! e mais uma vez, obrigada*

jennifer disse...

eu também gostei muito! e obrigada fofinha :) *

joana disse...

obrigada querida, também gosto muito do teu blog :)

Anastasie disse...

sabes ;)

jennifer disse...

siim fofinha :)

Anastasie disse...

pessoas parvas que se incomodam com pouco, mais nada.

beatrizpereira disse...

sempre achei que depois de um namoro, a amizade deveria permanecer, mas agora acho que não, eu e ele não conseguimos ser amigos, pelo menos enquanto eu gostar dele, talvez depois disso.

ana disse...

obrigada por teus conselhos, a sério! posso só saber tua idade? :$

Vanessa Kiekeben disse...

obrigada querida :)

ana disse...

obrigada, mesmo! :) praí 17.

Vanessa Santos disse...

é verdade querida mas vamos andando e vamos vendo :)

ana disse...

estás a brincar, certo? não parece nada :o

joana disse...

ya, querida :)

ana disse...

juro-te que não parece.
pareces sim uma adulta.

Vanessa Santos disse...

não te preocupes querida e obrigada pelo conselho! :)

Sila Pinto disse...

sim , está mt fofo :)
obrigada linda (:

Maria João disse...

A última vez que o vi foi há uma semana, quando me disse "olá" :o nem olhou para mim, nem eu para ele :x

Acho sim *.*

Não faz mal linda.

carina disse...

muito obrigada:)

ana disse...

podes crer que sim.

ana disse...

de nada, quero mais palavras tuas.

ana disse...

porque preciso :)

ana disse...

sei sim! e sei também qe sou forte :$ mas por vezes :c

Francisca Cochofel disse...

adoro este mês!:)

ana disse...

fogo, como é possível só teres aquela idade :o

ana disse...

porque dizes coisas tão lindas, tão puras. :o

ana disse...

eu tenho 19 :)

Francisca Cochofel disse...

tem tudo e mais alguma coisa de bom!: )

ana disse...

claro!

Francisca Cochofel disse...

e terça faço anooos :)

ana disse...

pois. mas tenho! não minto.

Francisca Cochofel disse...

oh, que fofa!: )

sara raquel. disse...

obrigada, querida (:
mas agora já estás, é o que é importante para toda a gente que adora ler os teus textos e ler os teus comentários e conselhos (:
pois sei, e agradeço-te imenso! (:
ya, é muito bonita e mais leve e além disso, muito bonita e diz algumas verdades $:

Beatriz Mateus disse...

obrigada! a sério? que bom para nós, ahah :)

Cristiana Lourenço disse...

amei , sigo *

pan. disse...

então o amor é monstruoso, é o que é.

filipa margato disse...

oh, muito obrigada querida*

ana disse...

estás por aqui?

Catt. disse...

;)

danielarocha. disse...

obrigada querida :')
gostei mesmo muito*

Branca de Neve disse...

muito obrigada! (:

helena disse...

obrigada, também já sigo querida :) *

nicolemorais disse...

eu acredito que isso vá acontecer na minha situação. só tenho pena é que isso venha a acontecer muito tarde.

ana disse...

sofia?

sílvia sampaio disse...

escreves tanto :o e tão bem, adorei este post, completamente. vou seguir!

arco-irís ∞ disse...

esta mesmo tocante.
gostei muito, continua.

nicolemorais disse...

porque não depende de mim, querida, e porque não tenho de ser eu a mexer as mãos e a falar, compreendes?

filipa margato disse...

eu também achei, vi e decidi aqui meter, como estava realmente muito lindo*

filipa margato disse...

espero conseguir no próximo período querida *.*

nicolemorais disse...

acredita que se pudesse ser eu a fazer alguma coisa, fazia, aliás, já o teria feito.. mas é algo que está terminado, ou melhor, em stanbye, porque eu sei que quando uma coisa acontecer, essa pessoa vai lembrar-se de mim em primeiro lugar e vai pedir-me um monte de desculpas.

filipa margato disse...

esforço-me para isso*

nicolemorais disse...

a prioridade passou a ser outra e eu passei para 2º plano, mas habituei-me. só que depois passei para o plano invisível, onde essa pessoa deixou completamente de pensar em mim, de se preocupar, de falar, de questionar, até que decidiu terminar a amizade.

disse...

amoo!
sigo (:

Beatriz Mateus disse...

A sério obrigada! :)

danielarocha. disse...

de nada, ora essa :)
e adoro a música!

sílvia sampaio disse...

que simpática, muito obrigada :D

Catt. disse...

exactamente princesa , se acreditarmos em nós é tudo muito melhor !

Susan disse...

gostei *

Francisca. disse...

oh querida gostei imenso, sim, a sério!
Oh, ás vezes as coisas não são assim tão fáceis, sabes querida? :\

arco-irís ∞ disse...

de nada, $:

tc * disse...

obrigada :)

tc * disse...

obrigada :)

Filipa disse...

Sim, acho mesmo :D

cats disse...

oh, muito obrigada!

Cristiana Lourenço disse...

obrigado minha querida (:

Fatima Pereira disse...

adoro <3

nicolemorais disse...

mas ele vai arrepender-se, princesa, eu sei que vai. mas isso só vai acontecer quando deixar a namorada.

blair disse...

adorei :)

inês * disse...

é tipo hoje em dia, todas as pessoas dizem " amo-te " a um qualquer, sem gostarem, é como dizerem um " bom dia ", tu " bom dia " dizes regularmente, então na minha opinião o " amo-te " foi trocado pelo " bom dia " e o " bom dia " pelo " amo-te ", percebes-te agora ? o:

leah disse...

obrigada querida, acabei mesmo agora de escrever um novo texto, se quiseres ir dar uma olhadela tinha imenso gosto em receber alguma crítica :) adoro este cantinho, é tão doce!

cláudiagomes. disse...

lindo, perfeito.

inês * disse...

ainda bem (: ; aquilo foi simplesmente um " desabafo "

leah disse...

oh, mil obrigadas pelos conselhos querida*

inês * disse...

um pouco sim, mas também é a verdade de hoje em dia, as pessoas dizem " amo-te " tão frequentemente, que é como piscar os olhos

Vanessa Kiekeben disse...

pois, falta-me a coragem...

filipa margato disse...

espero bem que sim minha querida :c

Susan disse...

obrigada meu doce *

- Susana . disse...

ohhh ainda bem princesa *-*

Algo Estranho... Alguém Diferente! disse...

owwwwwwww *.* obrigada linda*

sílvia sampaio disse...

pois eu não consigo encontrar explicação, acho que não se aplica... os momentos perfeitos passam muito rápido porque tudo o que é bom dura pouco. mas a pressa é inimiga da perfeição x) contradição pura!

cláudiasofia. disse...

eu própria sei que sim. :)

jennifer disse...

muito obrigada fofinha <3

Catt. disse...

Agora é que disseste tudo princesa :)

Vanessa Santos disse...

muito obrigada minha querida! :)

' dianasilva disse...

Tens toda a razão princesa, e é isso que vou fazer tentar ser superior e viver a vida de agora porque não a volto a ter.
Obrigada pelas palavras *-*

soraiacfontes disse...

obrigada fofinha :))

(in)felicidade disse...

obrigada por essa tua confortante opinião c:

Maria João disse...

muito obrigada *.*

addy disse...

adoro <3

e.c ♥ disse...

não sabes como me tocou ler o teu comentário. obrigada, mesmo! por todas as tuas palavras